Solicite um orçamento, é rápido!

      Solicite um orçamento, é rápido!

          BLOG

          Logística 4.0: a revolução tecnológica na gestão logística de e-commerce

          Conheça o que é a logística 4.0 e quais são os benefícios que oferece para o e-commerce, inclusive como implementá-la em seu negócio.

          |

          O que você vai encontrar neste artigo:

          A logística 4.0 tem sido cada vez mais adotada por e-commerces por proporcionar benefícios à operação, ajudando a otimizá-la. Mas você sabe o que é logística 4.0 e como ela pode ajudar sua loja online?

          Aqui, você confere essas e outras informações sobre esse tema! Continue a leitura para descobrir como implementar a logística 4.0 em seu e-commerce, conquistando resultados incríveis com a operação.

          imagem de um robô fazendo serviço de logística

          O que é a logística 4.0?

          Trata-se de uma inovação tecnológica aplicada à logística para otimizar a operação e processos. Na logística 4.0, utiliza-se diferentes tecnologias para tornar a operação mais inteligente, rápida, eficiente e automatizada.

          O foco é aprimorar processos, aumentar a produtividade, economizar tempo e dinheiro com a operação logística. Desse modo, é possível ter uma maior lucratividade, sem prejuízo da qualidade.

          Outro ponto essencial sobre essa inovação é que ela dá visibilidade e transparência a toda a cadeia de suprimentos da empresa. Isso possibilita identificar falhas e oportunidades de melhoria com maior precisão e rapidez, conseguindo deixar a operação cada vez mais eficiente e enxuta.

          Curiosamente, a logística 4.0 é um reflexo de outro conceito em alta, o de indústria 4.0, que tem como objetivo transferir a autonomia e tomada de decisões operacionais para as máquinas.

          Como a logística 4.0 funciona

          Afinal, como a logística 4.0 funciona na prática? Ela otimiza a operação e processos logísticos por meio da adoção de tecnologias e equipamentos que permitem maior produtividade e integração.

          É o caso da adoção de contêineres, veículos, paletes, sistemas de gerenciamento de estoque e de transporte inteligentes, entre outros. Desse modo, cria-se um fluxo operacional integrado e automatizado, como um ecossistema operacional.

          Como resultado, é possível garantir uma maior fluidez na operação, bem como agilidade de ponta a ponta. Os processos são automatizados, o que diminui erros e retrabalhos, além de garantir uma redução de custos importante.

          Principais tecnologias da logística 4.0

          A tecnologia é a base da logística 4.0, mas qual, especificamente? Na realidade, ela é baseada em diversas soluções tecnológicas! A seguir, apresentamos algumas das principais:

          1. Internet das Coisas

          Também chamada de Internet of Things (IoT), a Internet das Coisas tem como finalidade garantir a interconexão entre equipamentos utilizados no setor.

          A troca de informações entre equipamentos acontece de forma automática entre sistemas, o que dá rapidez às etapas logísticas, além de assegurar a inteligência do processo.

          2. Inteligência Artificial

          A Inteligência Artificial (IA) nada mais é que a adoção de tecnologias inovadoras que garantem autonomia ao processo. Neste caso, uma máquina toma decisões automáticas durante o processo, conseguindo realizar previsões de comportamentos e se antecipar a possíveis problemas.

          Tudo isso é feito com base em dados, que são coletados pelas tecnologias de Inteligência Artificial e analisados para tomada de decisão, aumentando sua assertividade. 

          3. Cloud Computing

          Trata-se da computação em nuvem, solução que ajuda a dar maior visibilidade à operação logística de e-commerce. Por meio dela, armazena-se dados em um ambiente digital.

          Isso implica em uma redução expressiva do uso de papéis, com troca de informações pela rede. Além disso, a Cloud Computing permite que dados logísticos sejam acessados a partir de qualquer dispositivo autorizado e com conexão à internet.

          Na prática, isso quer dizer que você tem acesso a esses dados a partir de qualquer lugar. Essa é uma característica que permite tomar decisões de forma rápida, sem precisar estar no local da operação logística.

          4. Machine Learning

          O Machine Learning é o aprendizado de máquinas. Trata-se de uma solução tecnológica que anda lado a lado com a Inteligência Artificial.

          Por meio do Machine Learning ocorre a análise de informações de maneira automática, criando modelos que permitem que as máquinas aprendam como agir com autonomia.

          5. Digital Twin

          O Digital Twin, também chamado de Gêmeo Digital, reúne tecnologias para espelhar simulações de um produto, como se fosse um protótipo. 

          Assim, é possível avaliar mudanças nessas simulações, bem como identificar a melhor logística para o produto, sobretudo no que se refere ao armazenamento e embalagem.

          6. Big Data

          Trata-se do setor que trabalha com um grande volume de informações logísticas. Sua função é obter, tratar e analisar dados, garantindo que o gestor tenha uma visão geral da cadeia produtiva. Desse modo, poderá tomar decisões estratégicas mais assertivas.

          Leia também:

          >>> Como funciona a logística de um e-commerce?

          Conheça os benefícios da logística 4.0

          A logística 4.0 proporciona benefícios para o e-commerce, impactando diretamente na produtividade e em custos. A seguir, você conhece quais são os principais que a empresa garante ao adotar essa inovação na logística para e-commerce:

          Maior eficiência operacional

          Ao automatizar a operação e integrar dados, a logística 4.0 aumenta a eficiência operacional da área. Os processos se tornam enxutos e ágeis, com um menor índice de erros e de retrabalhos. Também há impactos na entrega do pedido, que se torna mais rápida.

          Informações em tempo real

          Com a logística integrada e automatizada, é possível obter informações em tempo real para monitoramento da operação. Assim, o gestor consegue rastrear mercadorias e pedidos, bem como visualizar o status de cada um deles rapidamente.

          Tais informações podem ser utilizadas para tomada de decisões estratégicas, inclusive para solução de problemas, tendo maior assertividade.

          Redução de custos e perdas de estoque

          A logística 4.0 também contribui para a redução de perdas de estoque, uma vez que possibilita o rastreamento de produtos e prevê falhas, conseguindo evitá-las.

          Além disso, ajuda a reduzir custos, por meio da eliminação de processos desnecessários e da automação de rotinas que antes eram manuais e mais suscetíveis a erros.

          Boa experiência aos clientes

          O processo se torna enxuto com o uso de tecnologias e mais ágil. Com isso, é possível entregar pedidos rapidamente, oferecendo uma experiência boa aos clientes finais, de modo a fidelizá-los.

          Como implementar a logística 4.0 no e-commerce?

          A maneira mais simples e econômica é por meio da terceirização de serviços de logística para e-commerce. A prestadora de serviços usa tecnologias para automação, garantindo que o e-commerce tenha acesso a essas ferramentas sem fazer grandes investimentos em equipamentos ou licenças de softwares.

          A Guarde Mais, empresa especializada em self storage e logística para e-commerce, disponibiliza soluções logísticas para comércios eletrônicos. Conheça!

          Leia também:

          >>> Inteligência artificial e self storage: uma maneia de otimizar a experiência do armazenamento

          >>> Sistema Omnichannel: vantagens e desafios

          Deixe seu Comentário
          Deixe seu Comentário

          cinco × 1 =

          Fale conosco via whatsapp Clique aqui
          Idiomas